quarta-feira, 8 de junho de 2011

Jardim Vertical, para quem - como eu - tem pouco espaço...

Vi uma reportagem no Jornal Hoje outro dia... salvo engano, sábado dia 04/06.
A dica era Jardim Vertical, confesso que nunca tinha visto, resolvi pesquisar e colocar uma discas aqui no blog:

A repotagem completa está no link.

Jardins Verticais

Hoje em dia pela diminuição dos espaços disponíveis em nossas casas, apartamentos, ou mesmo em residências maiores, às vezes fica difícil achar um espaço disponível para montar um cantinho verde, mas isso pode ser resolvido, com a montagem de um jardim vertical.
Esse tipo de jardinagem usar como plantas, espécies epífitas, que requerem poucos nutrientes e uma pequena quantidade de água para se manterem e desenvolverem, pois elas conseguem retirar seus nutrientes até da atmosfera, e devido a sua baixa exigência, e lento crescimento, são ideais para esse tipo de jardim.
Podem ser montados, em paredes que estejam disponíveis, onde as plantas possam receber alguma luz natural, ou mesmo luz artificial.
Materiais necessários:
a) parede impermeabilizada ao construir ou pode ser pintada com tinta especial emborrachada, para quem vai adaptar uma parede comum ao jardim.
b) Tabua em MDF, ou conglomerado, ou outra madeira, nas medidas da parede, e que será fixada à parede por meio de buchas, e em vários locais para evitar que com a umidade ela venha a se deformar, pela ação do peso da água infiltrada, ou mesmo pela ação de organismos decompositores da madeira, que com o tempo se instalam e acabam propiciando até que as raízes das plantas possam retirar algum nutriente delas, ao longo do tempo de uso, ou seja acaba virando substrato também.
c) Placas ou estacas de fibra de coco ou xaxim (este está saindo do mercado), ou mesmo meio-vasos que ou podem ser cortados ou mesmo adquiridos já nesta forma no comércio.
d) Caso o local seja em interiores onde a água não possa, escoar pelo chão, decorrentes das regas, é conveniente colocar na parte inferior um coletor para essa água em chapa no formato de calha, e com um sistema para que essa água possa ter destino que não acabe sendo um ponto de infiltração de umidade na construção.
e) Montar antes um esquema ou desenho de quais as plantas usadas, e onde elas vão ficar, para facilitar a colocação das placas, estacas, ou meio-vasos. E fixar as mesmas na tábua nos locais pré-escolhidos.
f) E adquirir as plantas

Obs: As fotos são do site: http://www.plantasdeaquario.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

"Toda pessoa por quem temos carinho e que de alguma forma faz parte da nossa vida, é de todas as formas, insubstituível.
Brunekkkah."

Fique à vontade...seu comentário é mt bem vindo!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...